Missa na Casa Santa Marta

Homilia diária do Papa: os cristãos devem ser mansos e generosos

Francisco enfatizou que a magnanimidade cristã é sempre acompanhada pela mansidão

Da Redação, com Rádio Vaticano

Homilia diária do Papa: os cristãos devem ser mansos e generosos

Francisco tem celebrado a Santa Missa diariamente na Capela da Casa Santa Marta, onde reside. Foto: L’Osservatore Romano/Rádio Vaticano

Como todas as manhãs, Papa Francisco celebrou a Santa Missa nesta segunda-feira, 17, na Capela da Casa Santa Marta, onde reside. No centro de sua homilia, o Santo Padre colocou as palavras de Jesus dirigidas aos seus discípulos: “Se alguém bater na sua face, ofereça-lhe também a outra”. Ele destacou que, para o cristão, de fato, Jesus é tudo: daqui deriva a sua magnanimidade.

O Papa refletiu que, na lógica normal da vida, as pessoas lutam para se defender, de forma que tendem a revidar, por exemplo, um tapa no rosto. Porém, ele destacou que a justiça de Jesus é superior àquela dos escribas: “Dente por dente, olho por olho”. Eis, pois, segundo o Santo Padre, o segredo da magnanimidade cristã, que sempre é acompanhada pela mansidão.

“O cristão è uma pessoa que alarga o seu coração com a sua magnanimidade, porque Jesus Cristo é o seu tudo… Mas seguir Jesus não é fácil. Mas, também não é difícil, porque na estrada do amor o Senhor nos alarga seu coração”.

Papa Francisco concluiu sua reflexão exortando os presentes a pedirem ao Senhor que Ele dilate seus corações, tornando-os cristãos mansos, humildes e generosos.

Comentários

comentários

↑ topo